Pit Bull encontrada com corrente de 3 kg no pescoço se recupera de forma surpreendente

Ninguém imaginava que ela conseguiria. Porém, ela tinha outros planos.

Esta é Roxanne.

Source: Rescue Dogs Rock NYC/Facebook
Rescue Dogs Rock NYC/Facebook

Ela foi encontrada vagando pelas ruas da Carolina do Sul, com uma corrente de 3 quilos no pescoço. Os responsáveis pelo resgate não souberam dizer por quanto tempo ela permaneceu vagando, nem quem prendeu nela a corrente que causou um sério inchaço no rosto. Só o que eles sabiam era que ela precisava de atenção médica urgente.

- Anúncio -
Source: Rescue Dogs Rock NYC/Facebook
Rescue Dogs Rock NYC/Facebook

A corrente, que pesava mais de 10% do peso total do seu frágil corpo, ficou presa em seu pescoço por tanto tempo que cortou sua pele, provavelmente causando uma dor terrível. Os graves ferimentos da canina foram exibidos por Jackie O’Sullivan, cofundador do programa de resgate do abrigo da Carolina do Sul, quem decidiu que a equipe faria o possível para salvar a vida dela.

Em publicação no Facebook, contando a história da Roxanne aos seus seguidores, a organização chamada Rescue Dogs Rock postou a seguinte declaração:

- Anúncio -

“…estamos absolutamente PARALISADOS e sem saber o que fazer. Quando nos deparamos com esta terrível situação, foi como se tudo tivesse parado e precisássemos de um minuto para colocar a cabeça no lugar. Ficamos em choque e sem conseguir falar por um bom tempo.”

O caso de Roxanne era muito grave. A corrente pesada estava tão cravada em seu pescoço que não dava para tirá-la passando por sua cabeça inchada — o metal precisou ser cortado com uma alicate enorme. Onde havia pele, os veterinários notaram que uma das artérias principais dela estava exposta, e que a corrente havia cortado aproximadamente 95% do pescoço. Ela foi levada imediatamente para a sala de cirurgia na tentativa de reparar o dano extensivo.

- Anúncio -
Anterior1 de 3

FONTEBarkpost