Cadela descartada em pilha de lixo é encontrada por acaso

Uma cadela seriamente doente foi descartada em um lixão, porque seu dono não queria pagar a conta do veterinário – é o que a RSPCA suspeita, depois que a canina emaciada foi encontrada por dois homens na pilha do lixo

- Anúncio -

Os dois acidentalmente se depararam com a Saluki de 18 meses quando o veículo em que estavam pifou, perto de um lixão, em Thurrock, na Inglaterra.

RSPCA

“Eles haviam andado até a região perto de uma enorme pilha de lixo esterilizado, para sairem da pista em segurança – e foi então que viram a canina marrom e branca deitada no meio do lixo, precisando de ajuda”, disse a inspetora da RSPCA.

RSPCA

Penny não conseguia parar em pé e mal conseguia levantar a cabeça. Ela estava tão fraca que nem aceitou a água que os homens lhe ofereceram. Sabendo que ela precisava de intervenção médica, os dois ligaram para a RSCPA. A inspetora Benson foi até o local e levou Penny às pressas para o veterinário.

- Anúncio -

Penny foi imediatamente internada e monitorada durante os dias seguintes, já que o veterinário disse que ela poderia estar com problemas gastrointestinais.

RSPCA

Benson disse que Penny teve muita sorte. Uma vez que não era possível vê-la da estrada, ela poderia facilmente ter passado despercebida e morrido sozinha na pilha de lixo.

“Não dava para vê-la da estrada, e eu odeio pensar no que poderia ter acontecido com ela se o carro não tivesse pifado e eles não tivessem esbarrado nela”.

- Anúncio -

A RSPCA lançou um apelo pedindo informações sobre que pode ter abandonado Penny, já que ela não tinha microchip ou coleira de identificação.
“Ela foi literalmente descartada como lixo e abandonada em um local onde ela dificilmente seria encontrada”, disse Benson. “É desolador o fato de alguém ter agido de forma tão fria e insensível, e eu gostaria de descobrir o responsável”.

RSPCA

Agora, Penny está se recuperando no veterinário e já consegue ficar de pé. Eles esperam que, com o cuidado dos resgatadores, ela melhore e possa ser disponibilizada para adoção.